sexta-feira, julho 03, 2009

Ringo's Rotogravure - 1976

por Danielle Starkey

Mais um álbum com a participação de John, Paul e George.
Alguns motivos já me fizeram detestar esse disco, como minha pequena decepção com a primeira faixa "A Dose Of Rock'n'Roll" que, pelo nome, imagina-se que seja um Rock poderoso, mas não é nada disso.

A música "Las Brisas" dá até dó do Ringo, mas até que eu aprendi a gostar dela...
No fim do disco tem uma faixa chamada "Spooky Weirdness", algo como "Sobrenaturalidade Assombrada" - uma espécie de Revolution 9 de 1:25, que faz uns barulhos estranhos de portas e a letra que diz:
"Welcome to my dreams.
Come up to my room.
Come, look into my eyes."

Mas pelo menos é neste álbum que está uma das minhas músicas preferidas: "This Be Called a Song", composta por Eric Clapton, que também toca guitarra nela; além de uma regravação da música "Hey Baby", sucesso de Bruce Channel nos anos 60.
Note que a contra capa do disco é a foto de uma porta com várias coisas escritas. Quando o álbum foi lançado, vinha com uma lupa que permitia ler tudo aquilo.

Você sabia que...
Ringo Starr já foi totalmente careca?
Comprove você mesmo com o clipe "You Don't Know Me At All"

video

2 comentários:

Paula disse...

Credo rsrsrs

Danielle Starkey disse...

Aaaaai tadinho!!! Credo nada, ele continuou lindo! Hehehe!
Mas nada como o Ringo Starr cabeludo dos anos 60. Aliás, os homens têm a péssima mania de cortar os cabelos.

Postar um comentário