sexta-feira, outubro 29, 2010

Rock no Lukullus

(by Clau)


Vc. já fez sua reserva?

Na quinta-feira, dia 04/11, às 20h a banda Beatles 4ever se apresentará no Restaurante Lukullus.
O show começará exatamente às 20h, pois o Psiu! anda deitando a caneta.
O Lukullus é um restaurante tipicamente alemão, a comida é muito boa, e tem muito salsichão!!!
A casa também funciona como happy hour, oferecendo petiscos deliciosos, rodízio alemão e/ou nacional.
Ah...sem esqecer que no local tem uma panificadora própria, onde os pães saem frescos e quentinhos.
Que tentação! Se liga na imagem.


A Beatles 4ever vai colocar os alemães para dançar.
Faça logo a sua reserva.

Dia 04/11/2010 - 20:00h
Rock in History
Restaurante Lukullus
Rua Alexandre Dumas, 1.541 - Brooklin
Infs: 5181-1692

PS: Estarei trabalhando nas eleições, mas logo, registro tudo que aconteceu , quarta-feira, no União Cultural.

Milton canta George

(by Clau)

...Ó

Milton Nascimento regravou a canção "I'd have you anytime", de George Harrison, que será incluída em um álbum-tributo. O CD reúne músicas de Harrison interpretadas por artistas como Zé Ramalho, Fafá de Belém, Rodrigo Santos, Carmem Manfredini (irmã de Renato Russo), Rodrigo Santos e Leo Von (filho de Ronnie Von), entre outros, e será lançado pelo selo Discobertas em novembro.


Produzida por Clemente Magalhães, a faixa foi gravado em dueto com o multi-instrumentista Leo Fernandes, que já havia tocado teclado no encontro póstumo de Milton com Elis Regina na canção "Golden Slumbers", que fez parte do CD "Beatles '69", em 2009.
Depois de combinar os arranjos na casa de Milton Nascimento, no Rio, o produtor Clemente Magalhães gravou a base da canção tendo como guia a voz de Fernandes. Ao ouvir a gravação, Milton decidiu que a versão final da faixa deveria incluir os vocais do jovem músico — atualmente Leo Fernandes prepara seu primeiro disco solo e compõe para o próximo CD do cantor cearense Fagner.
"I'd have you anytime" é a única canção de George Harrison composta em parceria com Bob Dylan e abre o disco que marcou a estreia do ex-beatle em carreira solo, "All things must pass", de 1970.

terça-feira, outubro 26, 2010

Rock in History - Ronaldo Pasqua na quarta-feira!

Quarta-feira promete.

Primeiro teremos a presença de Ronaldo Pasqua, primeiro John Lennon do Beatles 4ever! Nosso grande amigo e parceiro, meu vizinho de Granja Vianna, músico de primeiríssima linha, guitarrista da Rita Lee e do Guilherme Arantes.

Rona vai substituir Prof. Marcus Rampazzo que está em Londres tratando de sua transferência para o Chelsea,que quer contratatá-lo para posição de segundo gandula. Na verdade ele queria mesmo ser contratado para o Liverpool, mas seus agentes não acharam uma boa idéia, uma vez que o intrépido musico poderia passar mais tempo dentro dos históricos beatle-pubs locais do que catando as bolas chutadas pelos jogadores.

Rona já tocou conosco durante alguns show do Rock in History, inclusive na Maratona Rock in History de 16 horas.

Edson Yoko

O Ricardo é uma Brasa Mora!

A segunda atração será a presença de Ricardo Brasa, segundo baterista da historia do Beatles 4ever!

Musico de currículo invejável,Brasa também já tocou com grandes nomes.

Minha lembrança mais antiga do Brasa é tê-lo visto em uma célebre formação do Rock Memory ( Fabio Cirello nos teclados e vocais, João Kurk na Guitarra e Vocais, Leão no baixo -canhoto e o próprio Ronaldo Pasqua na guitarra ).

Ricardo Brasa é hoje músico exclusivo de Amado Batista. Há quase 20 anos acompanha o célebre cantor. Amado não deixa ele sair por nada neste mundo !

Edson Yoko

Celso Anieri no Rock in History!

E a terceira grande atração é a presença de Celso Anieri, fundador, idealizador do espetáculo “Beatles 4ever! O Sonho não acabou”.

Devemos tudo à ele.

Todas as bandas de Beatles que vieram na rabeira do Beatles 4ever! Devem ao Celso.

Visionário, porra louca, mas realizador competentíssimo, trouxe a idéia e a manteve no mais altíssimo nível, tanto que a “Beatles 4ever! é a banda de Beatles mais lembrada no Brasil!

A consolidação desta marca, que hoje já é uma grife, teve a participação capital do Celso, que após anos afastado das atividades da banda, está sendo resgatado e merecidamente reconhecido.

Edson Yoko

Beatles 4ever! Rock in History - Reunião histórica!

Isto significa que teremos uma reunião histórica.

Termos ¾ do integrantes das primeiras duas formações do Beatles 4 ever.

Eles não tocam juntos há quase 30 anos.

Faltará apenas Prof. Marcus Rampazzo.

Mas certamente teremos outra oportunidade para reunirmos todos os integrantes dessa fantástica trupe. É a história acontecendo novamente.

Quem for, verá.

Eu, como fã da banda, não perderia.

Edson Yoko

sábado, outubro 23, 2010

Na quarta-feira as pedras vão rolar...

(by Clau)

...tem Rock in History

Depois de long, long, long time a Beatles 4ever vai apresentar o projeto Rock in History.
Uffa...já não era sem tempo, eu já estava com saudades de ouvir e assistir rock pesado e cheio de estilo.
Talvez vcs. estejam se perguntando?
- Mas como haverá show, sendo que o Ricardo está com a perna quebrada?
Podem ficar sussa.
A falta do Marcus Rampazzo (George Harrison) e a perna quebrada do Felício (Ringo Starr) não impedirão a realização do show.
É isso mesmo, enquanto o Marcus atravessa a Abbey Road, o Ronaldo Pascoa (o primeiro John Lennon da Beatles 4ever) prometeu 'esmirilhar' nas cordas.
Por sua vez, Ricardo Felício, está dando um tempo para a perna se recompor, mas não será um obstáculo para arrebentar na batera.
E, mesmo assim, se o Felício ficar cansadinho (duvido que aconteça), o show terá a presença do baterista Ricardo Vilella (o primeiro Ringo Starr da Beatles 4ever), que assegurou dar uma canja para a galera.

Vc. não pode perder!!!!

Quarta-feira: 27/10/10 - às 21 horas
Teatro União Cultural: Rua Mário Amaral, 209 - Paraíso - estação Brigadeiro do Metrô
Ingressos à venda na bilheteria do Teatro: (11) 2148-2905
ou pelo www.ingresso.com

quinta-feira, outubro 21, 2010

Paul McCartney tem um recado para vc.

(colaboração Weber)

video

segunda-feira, outubro 18, 2010

Saiba escolher um bom lugar no Morumba

(colaboração Weber)


Você esperou anos e finalmente Paul McCartney, uma lenda viva, pisará em solo brasileiro.
As as perguntas que não querem calar são: Você conhece o estádio do Morumbi? Se não conseguiu, por algum motivo, uma pista prime, você sabe qual é o melhor lugar para se assistir um show do estádio?
O Rock'n' Beats foi atrás de pessoas que já assistiram a shows no Morumbi e baseados nisso e na disposição dos setores no estádio, foi feito um guia para ajudar você:

Pista Prime: Se você é filho do Eike Batista ou quebrou o F5 do seu teclado na madrugada de sexta-feira, parabéns! A Pista Prime é o melhor lugar para se assistir qualquer show, já que você pode ficar bem perto do seu ídolo.
Vantagem: ficar perto do seu ídolo, escutar cada riff num volume absurdo e conhecer pessoas que são tão fãs (e malucas de pagar tanto) quanto você…
Desvantagem: além da consciência pesada com o banco, prepare-se para apanhar e para conquistar território como um bravo soldado do Império Romano. Não dá para beber, porque aquele velho ditado entra em prática: “Foi no bar, perdeu o lugar”. É um lugar mais de fã, onde o espaço é disputado.

Pista Comum: A Pista Comum, que fica logo atrás da Pista Premium, geralmente é a opção de quem não pode desembolsar muito, mas que quer ter uma chance de ver seu ídolo de perto e sentir a atmosfera de milhares de pessoas cantando juntos a plenos pulmões.
Vantagem: se o importante para você é estar no meio da galera e sentir a música, esse é o seu lugar. Há quem diga que, com algumas brechinhas, dá pra chegar lá na frente.
Desvantagem: fique preparado para voltar para casa e ter visto seu ídolo só em um telão ou com as pernas latejando de tanto pular.

Cadeira Inferior: Aqui você poderá assistir o show sentado, com conforto. Como o setor fica na lateral do palco e no nível da pista, há chances de você ficar num ponto ruim. Intessante pra quem quer ficar confortável e fora da muvuca da pista.
Vantagem: conforto e férias para as suas pernas, além de um lugar pré-determinado evitando confusões em um lugar que você pagou para se divertir.
Desvantagem: o lugar é longe, e alguns adereços no meio do campo podem atrapalhar a visão.

Cadeira Coberta Vermelha: Mais próxima do palco que as demais cadeiras. Interessante pelo conforto e a proteção em caso de chuva. Como fica no nível da pista, há chances, de algo obstruir a visão do palco.
Vantagem: conforto e proteção em caso de chuva. Tudo bem que fãs do Macca e dos Beatles enfrentam qualquer tempestande, mas é bom garantir…
Desvantagem: possibilidade de algo atrapalhar a visão, por ficar no nível da pista e não ter a atmosfera pulsante da pista.

Cadeira Coberta Laranja: A visão é central e ampla, assim como na Arquibancada Laranja, que fica logo acima dela. Porém, fica em um dos lugares mais distantes do palco.
Vantagem: visão ampla, ter a oportunidade de ver ao menos um pontinho se movimentando no palco.
Desvantagem: muito, muito longe. Estar no mesmo nível da pista pode atrapalhar também.

Cadeira Premium Laranja: Fica na área central do estádio, abaixo da Arquibancada Laranja. Pode ser uma boa alternativa de conforto, pois você terá sua cadeira garantida e uma visão diagonal. A distância, e o fato de estar no nível da pista, podem tornar a vista do palco impossível.
Vantagem: além do conforto, ter uma visão no nível da pista cria uma atmosfera de proximidade com o ídolo.
Desvantagem: o som pode ser baixo pela distância e sua visão pode ficar obstruída por pilares ou outros objetos.

Cadeira Premium Azul: Ao lado da Cadeira Premium Laranja, no mesmo nível, logo, as coisas não mudam muito.
Vantagem: as mesmas da Cadeira Premium Laranja.
Desvantagem: também as mesmas da Cadeira Premium Laranja.

Cadeira Coberta Azul: Garantia de conforto para assistir o show, o setor garante também que você não saia ensopado em caso de chuva. Com uma visão lateral do palco, você corre menos riscos de ter a visão obstruída.
Vantagem: conforto, garantia de lugar e visão próxima.
Desvantagem: o som pode não chegar com a mesma qualidade do que nas áreas centrais e há risco de a visão do telão ficar prejudicada. Isso sem contar ver apenas o perfil do seu ídolo.

Arquibacanda Especial Vermelha: Mais próxima do palco do que a Arquibancada Vermelha, pode ser confortável, se não chover, e melhor para se ouvir o som do show. O custo-benefício é interessante.
Vantagem: tem espaço de sobra, o clima da pista, já que costuma ficar superlotada e o acesso é fácil.
Desvantagem: distância, se não chegar cedo para conseguir um bom lugar você vai ver apenas pontinhos minusculos em cima do palco. Você consegue ver o palco inteiro, apesar de não ver os integrantes muito nítidos.

Arquibancada Vermelha: Seduz pela visão quase central do palco, com um bom valor. Fica colada na Arquibancada Laranja, então, a distância pro palco é grande. Apesar disso, é certo que você verá o show, mesmo que longe.
Vantagem: visão do palco sem riscos grandes de obstrução e é claro, o preço que não vai te machucar no fim do mês.
Desvantagem: a distância é a grande vilã aqui. Prepare-se apenas para ouvir.

Arquibancada Laranja: Fica do lado oposto do local onde o palco é instalado no estádio. A visão desse ponto é bem central, o que pode ser interessante, mas é o setor com a maior distância para o palco.
Vantagem: valor do ingresso e o salário ou a mesada sem perigos e a visão central do Morumbi.
Desvantagem: distância…distância………dis………………tância.
Terra de Gigantes: Os integrantes ficam pequeninos a olho nú.

Arquibancada Azul: Ela seduz por tem um valor de ingresso acessível e a possibilidade de assistir o show relativamente perto do palco. O problema é que ela fica na lateral do estádio, e dependendo do ponto, pode não ser tão legal assim, pois, se não chegar cedo, seu lugar pode ser muito paralelo ao palco.
Vantagem: preço bem acessível e a possibilidade de ficar relativamente próximo ao palco, sem obstruções horríveis.
Desvantagem: chance de ficar em uma posição muito ingrata se não chegar cedo.

Eu estou com o Paul na mão

(by Clau)


...aí pessoal do VT (fórum), se liga:

- EU ESTOU COM O PAUL NA MÃO!!!

Depois de vários esquemas e combinações, isso desde sexta-feira, finalmente hoje, às 07:30h encontrei com o Edson na fila do Pacaembú.
No meio da muvuca o Ricardo Jr. (o nosso Paul McCartney), que havia dormido no Pacaembú, viu eu chegando e parou para cumprimentar.
Chuva? Nem....o grosso já tinha caído e sobrou uns poucos pingos aqui, e outros ali, mas também nada estava incomodando, afinal é para ver o Sir. Paul McCartney.
Fui para a filinha com 277 pessoas encontrar o Edson, que garantia um lugar na fila desde às 03:00h.
Na fila o Edson fez vários amigos, e encontrou com outros tantos, que o identificaram como da Beatles 4ever.
Daqui à pouco chega o Ricardinho e diz: - Tem um cara lá frente que não está deixando comprar ingressos para o estudante que não estiver presente.
Perguntei: - Quem é o cara? Eu conheço o administrador do Pacaembú, e de repente, rola de comprar os ingressos.
Snif...não era o administrador, ainda era muito cedo para ele estar no estádio.
Mas não desisti, e fiquei ali na boca da bilheteria conversando com os seguranças...
Papo vai, papo vem...até que organizaram uma fila preferencial para idosos e gestantes, isso depois de um barraco armado por um rapaz portador de necessidades especiais, que chamou a polícia.
Depois da confá fiquei na fila preferencial, com 2 pessoas à frente, como não sou boba, nem nada, chamei o Edson (o idoso) e a Luiza.
Disse ao segurança que a Luluzinha estava grávida...e ela ficou na fila.
E mais um dia foi salvo pela menina superpoderosa Lu...ela garantiu todos os ingressos.
Uffa!!! Tudo valeu à pena...eu faria tudo de novo.

Dia do Médico



Há médicos de corpo e "Médicos de Alma".
Felizes são aqueles, que iguais a vc. Edson, conseguem reunir
as duas profissões
Parabéns pelo seu dia.
Com carinho.
Clau

sexta-feira, outubro 15, 2010

Vc. vai de laranja, vermelho ou azul?

(colaboração de Weber)

Olá moçada,

Já escolheu sua cor? Não?
Então veja os setores para ingressos do show de Sir. Paul McCartney

Vc. ficou perdido com aquele tanto de opções de ingressos para o show do Paul McCartney no Morumbi?
O Twitter do Beatles Brasil deu uma mãozinha para os fãs e fez uma divisão providencial para ninguém ter mais dúvidas. São 12 (DOZE!) opções de lugares, com preços indo desde R$ 140 (Arquibancada Laranja) até os estrondosos R$ 700 (Pista Prime). Todos os setores terão meia-entradas disponíveis.
Pra você que ainda não se ligou, a pré-venda já começa AMANHÃ, dia 15, a partir da meia-noite (daqui algumas horas, no caso) – mas só pra quem for cliente do banco Bradesco. Dá pra comprar pelo ingresso.com ou pelo telefone 4003-3222.
A venda para o público geral acontece a partir do dia 21.

Ontem, um novo show de Paul foi confirmado pelo próprio Bradesco. Apesar da assessoria ainda não ter se manifestado, a apresentação deve, de fato, acontecer – e será no dia 22 de novembro, segunda, um dia após a performance do dia 21, também no estádio do Morumbi.

quinta-feira, outubro 14, 2010

Sosseguem seus coraçõeszinhos!

(by Clau)


Depois da árdua batalha nos corredores brancos, verdes e muitas vezes cinzas de alguns hospitais, depois de enfrentar jalecos brancos de todos os tamanhos, o nosso valente Ringo Starr (Ricardo Felício) recebeu um diagnóstico milagroso:
- Foi descartada a necessidade de intervenção cirúrgica da perna!!!
Isso mesmo, o Ringo Starr não vai mais operar.
Depois de fazer o tratamento direitinho, ficar com a perna imobilizada e muito rezar para a Sra. Aparecida, na segunda-feira, o médico deu a notícia milagrosa.
Os ligamentos da perna atingiram milagrosamante a recomposição, mas por enquanto, ele continua com a medicação e mobilização, até ficar plenamente restabelecido.
Ricky, ó...eu e muitos fãs rezamos e estavámos na torcida.
Estou contente ;-)

terça-feira, outubro 12, 2010

Band on the Run...

(by Clau)


Galera,


Seguinte, a banda Beatles 4ever está participando do concurso "Band on the Run".
O que isso?
A banda cover que melhor interpretar a canção de Paul McCartney ganhará um álbum especial da canção.
A Beatles 4ever está concorrendo com o vídeo da carreira solo.
Clique aqui e vote na banda Beatles 4ever.
Observe que do lado direito do site tem vários vídeos em miniaturas, lá vc. encontrará o vídeo assinado por Felício4ever, clique no vídeo e escolha a opção "Amo isso".
Pronto!
A banda Beatles 4ever agradece.
Ah....o concurso encerra às 24h do dia 05/11 e o resultado será no dia 08/11.

I'll be Back...

(by Clau)

...eles voltaram...


...a banda Beatles 4ever está de volta em São Paulo.
Depois de longos dias, na cidade de Recife, a banda retornou para os braços dos paulistanos.
A perna quebrada de Ringo Starr (Ricardo Felício) não impediu a banda Beatles 4ever de cumprir a agenda de shows.
E tem mais, no show do dia 27/10 Ringo Starr (Ricardo Felício) promete arrebentar.
Aguardaremos ansiosos.



sábado, outubro 09, 2010

O mundo celebra os 70 anos de John Lennon...

(by Clau)

...parabéns, John


John Lennon completaria 70 anos neste sábado (09/10) e para celebrar o aniversário do ex-Beatle, Ozzy Osbourne e a Anistia Internacional fizeram uma homenagem ao músico. Um videoclipe com uma versão de How, do álbum Imagine (1971), pelas ruas da Big Apple.
No vídeo, Osbourne usa óculos inspirados nos de Lennon e passeia pelos pontos favoritos do ex-Beatle em Nova York, segurando um bouquet de flores roxas.
A gigante Google fez sua homenagem através da mudança da logo da empresa - localizada no topo da página inicial do site - em referência ao artista, assim como foi feito um desenho animado encerrando o tributo da empresa para o músico.
O Google é a ferramenta de pesquisa mais tradicional da internet e já apresenta o costume de prestar homenagens a nomes e acontecimentos importantes seja para prestar solidariedade ou reconhecimento.
Sensacional!
I love you Jonh!

video

video

terça-feira, outubro 05, 2010

Ricardo Felicio : A Saga

Hey Hey Hey!
Trazemos aqui em primeira mão, o relato dos acontecimentos em Recife.

Primeiro, como todos já sabem, o Ricardo Felício foi até Recife com uma pequena fratura no joelho, mais exatamente na porção posterior do platô tibial esquerdo, uma fratura cominutiva com desvio de menos de 2 milimetros no alinhamento da superfície.

A princípio, um caso cirúrgico ( osteossintese com colocação de placa e parafuso no local).

Antes que vocês pensem que ele ( ou nós, pois também ajudei a tomar algumas decisões) foi um irresponsável, antes da viagem para Recife, ele foi examinado por um dos melhores ortopedistas da área, no Hospital do Coração de SP - local onde vários atletas de alto desempenho fazem suas consultas e cirurgias .

Devidos aos compromissos inadiáveis da banda, onde ele tem importância capital para que tudo aconteça, e devido à gravidade relativa do caso, optou-se por fazer a cirurgia assim que ele voltasse para São Paulo.
Até lá, a orientação foi para imobilização do local, evitando-se a qualquer custo o apoio do joelho a fim de não colocar carga no local afetado.
Mas o ortopedista fez um alerta : “ No avião, tire um pouco a tala e movimente a perna afetada, para diminuir o risco de trombose.”

Estas palavras ecoaram dentro de seu crânio, mas como ele não fazia a mínima idéia do que seria uma trombose, ele acenou com a cabeça : “ sim, sim, doutor!”
Estas palavras “ecoaram” dentro do crânio, pois existe uma corrente que defende a total ausência de matéria dentro de sua cabeça, fato que os pesquisadores de Harvard ainda não conseguiram concluir com exatidão.

Edson Yoko

Ricardo no avião: sufoco com as crianças e idosos

E lá foi nosso intrépido 4ever, com uma grande tala acoplada na perna, de cadeira de rodas e nas fileiras preferenciais do avião, lá na frente, junto com as crianças de colo, os idosos e maníacos de todos os tipos que freqüentam as vias aéreas.

Na viagem de ida, foram incontáveis as vezes que nosso herói teve que se levantar, ora para pegar as traquitanas que as crianças deixavam cair no corredor e queriam ir buscar, ora para dar licença aos senhores e senhoras que desejavam aliviar suas incontinências esfincterianas.

A cada vez que ele levantava, todos disfarçavam e olhavam para outro lado para que ele não percebesse aquelas risadinhas abafadas pelas mãos na boca.

Mas a orientação de movimentação da perna foi atendia.

Chegando a Recife, Ricardo Coração de Leão Mas Perna de Porcelana ficou em repouso no Manhatann, enquanto todos os outros seguiram no périplo pelas rádios e TVs locais.

No final da tarde de quinta-feira, desembarquei em Recife e encontrei o Ricardo bem, reclamando apenas de um leve desconforto na perna algo parecido como uma cãimbra na panturilha.

Nada demais.

Edson Yoko

Ricardo e sua perna: Trombose Venosa Profunda

Na noite de quinta, primeiro show do Rock in History na cidade, tudo foi bem até que no final do show, já de madrugada, o Ricardo desceu do palco com suas Batmuletas e reclamou que a perna esquerda estava muito dolorida.

Após uma rápida examinada, percebi que sua perna estava muito edemaciada, endurecida e avermelhada, sinais típicos de Trombose Venosa Profunda.

Com ajuda do Grande Ronald, proprietário do Manhattan, localizamos um bom hospital que atendesse ao plano de saúde do Ricardo e rapidamente fomos, Ricardo, Fabio, Ronald e eu para o Hospital Real Português..

Para nossa sorte ( e eficiência do hospital) o Cirurgião Vascular estava de plantão no PS.
Avaliado pelo especialista, foi indicado um ultrassom com Doppler que confirmou o que tanto temíamos. Era mesmo uma Trombose Venosa Profunda.

Com isso, foi indicada internação para iniciar de imediato o tratamento com anticoagulantes.


Edson Yoko

Perigo em Recife. Ricardo pode necessitar de cirurgia!

Pela manhã, Ricardo já estava melhor. Foi avaliado pelo chefe da equipe de Cirurgia Vascular que bateu o martelo: Para resolução total do quadro e prevenção de futuros episódios de trombose, uma cirurgia se fazia necessária - a amputação de parte do pênis seguida de cirurgia de troca de sexo.

Após um sonoro AAAHHH!!, Ricardo ficou catatônico, sendo necessário várias aplicações de fleet enema para tirá-lo da crise.

Mais ou menos na 14ª sessão de fleet enema, ele despertou e nos tranqüilizou, falando que agora REALMENTE já se sentia mais aliviado.

Após consultar a família e assinar os termos de consentimento para o procedimento, a cirurgia foi marcada para hoje à tarde......

Um leito de UTI junto a um hospital psiquiatrico já está de prontidão. O seu comportamento após a recuperação pós-anestesica será imprevisível. Muitas ampolas de Haldol e várias camisas-de-força já estão à mão, caso nosso colega tiver um chilique quando começar a ter vontade de urinar sentado.

Por enquanto, vamos orar e pedir salvação pelo nosso irmão.


Edson Yoko

Brincadeirinha!! Está tudo bem !!

Brincadeirinhas, à parte, informamos que o Ricardo está bem, com recuperação total do seu problema, estando em programação de alta hospitalar para hoje.

Que susto, heim amigão !!

Edson Yoko

Merdas aconteçem. Até demais.

Como desgraça pouca é bobagem, também na quinta-feira, meu teclado foi ligado em corrente errada e simplesmente pifou!!

Portanto, tive que me virar e tocar no teclado do maestro Junior Caruaru, que gentilmente cedeu seu instrumento.

Acho que enganei bem. Muita gente nem percebeu que eu tocava e lutava contra todos os botões e seletores para eu achar os sons ENQUANTO ESTAVA ROLANDO A MUSICA!

Por enquanto nenhum culpado apareceu, mas investigações secretas apontam o Gilmar como o suspeito numero 1 (sendo Cesinha o cúmplice), como responsáveis pela grande cagada.

Mais uma vez, agradecemos ao Ronald do Manhatann que de maneira competentíssima conseguiu o conserto do teclado para o dia seguinte, salvando a minha e nossa pele para o segundo show!

Edson Yoko

Rock in History em Recife

Na sexta, segundo show do Rock in History, casa cheia, e muita agitação . Fomos muito bem recebidos pelo publico, que dançou até as músicas mais lentas.

Como o nosso Ricardo Coração de Leão e Joelho de Porcelana estava fora de combate, tivemos a satisfação de dividir o palco com o Café, considerado um dos melhores bateristas de Recife.

Apesar de conhecer pouco o repertório, ele quebrou tudo, fazendo até um grande solo na deixa de bateria da música “Rock’n’Roll" do Led Zepellin.

Para você ter uma idéia, nos conhecemos às 17:00, passamos rapidamente algumas músicas e às 23:00 ele tocou TODAS as músicas escaladas no repertorio com maestria. Musico profissa é assim. Sem enrolação.
Vai lá e faz.
Por isso, enviamos nosso agradecimento de coração ao rapaz.

Passei a gostar mais ainda de café ( a bebida).

Edson Yoko