sábado, novembro 22, 2008

O Perdão

(by Inaiá)


O jornal oficial do Vaticano L’Osservatore Romano, anunciou nesta sexta feira, 21, o perdão pela Igreja católica a John Lennon que declarou nos anos 60 que os Beatles eram mais famosos que Jesus Cristo.
A informação veio em uma reportagem para marcar os 40 anos do lançamento do “Álbum Branco” e considera a declaração “a bravata de um jovem da classe trabalhadora inglesa impressionado com o sucesso, após crescer sob o mito de Elvis Presley”. Na época a frase de John causou profunda indignação.
Segundo o jornal, o grupo realizou uma “revolução branca” com seu “White Álbum” que classifica de “utopia musical” onde se encontra tudo o contrário de tudo.
Lançado em 22 de novembro de 1968, com 30 canções originais, o álbum foi um marco na carreira do grupo.

2 comentários:

Danielle disse...

Nossa, nada a ver essa história de "perdão", como se o John tivesse cometido um grande erro... As pessoas fizeram tempestade em copo d'água, interpretaram mal o que ele quis dizer e só foram aumentando o boato. Foi só um comentário irônico, não era pra ser um assunto prolongado!

LéLa disse...

John Lennon é um Gênio...
Mas....
Quem é Jesus?


rssrss

Postar um comentário